Brasília recebe exposição “Centenário Mandela” no Palácio do Itamaraty

Da Redação

O Ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, inaugurou em 11/9, no Palácio Itamaraty, com a presença de convidados, jornalistas, membros do corpo diplomático, ministro da Cultura Sérgio Sá Leitão, a primeira-dama do Distrito Federal Marcia Rollemberg e o embaixador da África do Sul no Brasil Joseph Mashimbye, a exposição Centenário Mandela.

O jornalista Milton Atanazio, editor-chefe da Revista VOX, o ministro das Relações Exteriores Aloysio Nunes Ferreira e o Embaixador da África do Sul no Brasil Joseph Mashimbye, na inauguração da exposição “Centenário Mandela”, no Palácio do Itamaraty em Brasília, no momento em que foi presenteado com a edição especial da Revista Vox “O líder Mandela”, em 11 de setembro de 2018. 

 

A exposição Centenário Mandela, tem a curadoria do Museu do Apartheid de Joanesburgo e já foi vista por mais de 1,1 milhão de pessoas em onze países. A iniciativa já passou por França, Suécia, Estados Unidos, Equador, Argentina, Peru e Luxemburgo. Agora, além do Brasil, serão realizadas montagens simultâneas no Canadá, Irlanda e Inglaterra. A capital federal é a segunda cidade brasileira a receber a mostra internacional, que já esteve em Fortaleza. O projeto comemora o centenário do nascimento do líder sul-africano, que se tornou símbolo da luta contra a discriminação racial.

A mostra, é uma iniciativa do Ministério das Relações Exteriores e do Instituto Brasil África, com apoio da Fundação Alexandre de Gusmão.

Formadores de opinião e pessoas ligadas ao universo cultural, prestigiaram as comemorações dos 100 anos do ex-presidente sul-africano. O objetivo é aproximar mais as pessoas dos dois países. O ponto máximo são as relações culturais, mas também fortalece as relações comerciais e o turismo entre os países com grandes potenciais a serem ampliados.

Cheia de simbolismo, a mostra conta a trajetória de uma das figuras públicas mais celebradas, quando se trata de luta por direitos humanos na segunda metade do século  20 – Nelson Mandela. Boa parte das bandeiras por ele levantadas, durante mais de seis décadas de batalha contra a segregação racial, estão longe de ser uma conquista livre de ameaças.

A exposição apresenta a vida de Mandela em seis fases: “A pessoa”, “O camarada”, “O líder”, “O prisioneiro”, “O negociador” e “O homem de Estado”. Fotos e vídeos constroem uma narrativa que vai desde o início do ativismo contra o Apartheid, passando pelos 27 anos de prisão, pela conquista do Prêmio Nobel da Paz, até a eleição como o primeiro presidente negro da África do Sul.

O jornalista Milton Atanazio, editor-chefe da Revista VOX, presenteou o ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, com um exemplar da Edição Especial da Revista VOX – O líder Mandela.

A exposição fica em cartaz até 4 de outubro e está aberta ao público em geral.

Fotos de Malu Silva, Fabiana Ceyhan, Agência Brasil

 

 

 

Share

Deixar uma Resposta